13 de ago de 2011

Noite de Inverno


Era inverno, meu coração como um iceberg num oceano agitado
Ondas de emoções diferentes chocando-se uma contra as outras
Sem me importar com nada, segui sem olhar para onde ia.
Era inverno e o frio dominava minha alma
tão sozinha com todas essas pessoas ao meu redor
O grito preso em minha garganta, não consegue passar pela tempestade.
Era inverno e eu estava cada vez mais longe de mim mesma
Aquilo que eu disse sobre nós... Bem, nunca houve um nós...
Talvez eu estivesse maluca, por isso estou lembrando agora
Era inverno quando aconteceu,
Apenas um olhar e virou verão, primavera, outono novamente
Como se nos conhecesemos desde sempre...
Era inverno, e eu com medo, perdi a luz daqueles olhos azuis
Pode me chamar de boba, o tempo passou
E mesmo agora, anos depois eu ainda sinto a corrente historica que nos liga...
E em cada inverno eu te espero no mesmo lugar....

Foi em um São João na minha cidade, no ano de 2004. Nunca esqueci aqueles olhos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário